quinta-feira, 27 de agosto de 2009

Começa a construção da Policlínica

Modelo das Policlínicas do Ceará

As obras de construção da Policlínica de Canindé começaram nessa quarta - feira 26/08 ao lado da entrada da Praça dos Romeiros na Avenida do Monte. Essa obra, do Governo do Estado, tem previsão de término de 180 dias. A Secretária de Saúde Dra. Aline foi quem solicitou à Paróquia a doação do terreno, sendo atedida de imediato.
Com a instalação da Policlínica, estima-se a realização de mais de 3.500 consultas por mês. São oferecidas dez especialidades médicas: clínica geral, mastologia, cirurgia geral, gastroenterologia, oftalmologia, urologia, otorrinolaringologia, cardiologia, ginecologia e ortopedia. Na infraestrutura o Governo aplicará quase R$ 3 milhões e na aquisição de equipamentos o investimento chega a R$ 3,3 milhões.
(Imagem da Maquete: TV Jangadeiro On Line)

3 comentários:

  1. Governador Cid Gomes, um homem que com vontade e humildade, faz de suas ações governamentais uma realidade, especialmente em municipios considerados carentes!!!

    ResponderExcluir
  2. Essa maquete e da policlinica de Brejo Santo...que coisa

    ResponderExcluir
  3. Informador Popular27 de agosto de 2009 18:54

    Projeto quer criar macrorregiões de saúde dos sertões Central e de Canindé


    Foi lido na abertura dos trabalhos desta quinta-feira (27/08) da Assembléia Legislativa projeto de indicação de autoria do deputado Cirilo Pimenta (PSDB) que dispõe sobre a criação das macrorregiões de saúde do Sertão Central e do Sertão de Canindé. Na sessão de ontem, o tucano anunciou a proposta em plenário e recebeu o apoio de diversos parlamentares.

    Segundo ele, com a criação dessas áreas, as ações de atenção terciária à saúde seriam descentralizadas. Como consequência, as demandas das 21 coordenadorias regionais de saúde não ficariam tão concentradas em Fortaleza, Sobral e Cariri.

    Pelo projeto, a macrorregião do Sertão Central acolheria pacientes vindos do Centro-Sul e de cidades da área central do Estado. Já a macrorregião de Canindé atenderia aos moradores dos sertões de Crateús e dos Inhamuns. Nas duas macroregiões seriam oferecidos serviços ambulatoriais e hospitalares especializados de alta complexidade.

    Cirilo indica a oferta de atendimentos de urgência e emergência, atenção à gestante de risco, cardiologia, oncologia, neurologia e atenção ao paciente grave. Ficariam garantidos também o acesso à quimioterapia, radioterapia, terapia renal substitutiva, exames hemodinâmicos, medicina nuclear, radiologia intervencionista e exames de diagnose de maior complexidade.

    Seriam assegurados ainda tratamentos intensivos, como serviços de urgências clínicas e cirúrgicas e de traumatologia e ortopedia proveniente de traumas. “Há um atendimento desigual na saúde. Portanto, a criação de mais duas macrorregiões ajudaria nesse sentido”, considera ele.

    Além do projeto de Cirilo Pimenta, foram lidos ainda 16 requerimentos.
    BC/CG


    Fonte: Coordenadoria de Comunicação Social
    comunicacao@al.ce.gov.br

    ResponderExcluir