quinta-feira, 24 de novembro de 2016

Aeronave apreendida com drogas em Canindé se transforma em ferramenta para salvar vidas

Uma aeronave utilizada para transportar drogas em rotas do tráfico internacional passa agora a servir centenas de pessoas que precisam de transplante de órgãos no Ceará. A primeira missão da aeronave com o objetivo de salvar vidas foi realizada em outubro deste ano, em um voo entre as cidades de Mossoró (RN) e Fortaleza (CE). O órgão transportado foi um fígado, que foi doado para realização de um transplante no Hospital Universitário Walter Cantídio (HUWC), referência em transplantes de órgãos no Ceará, especialmente de fígado, sendo considerada a unidade de saúde que mais realiza esse tipo de transplante no Brasil. Hoje quem vive graças a um órgão doado sabe da importância desse ato de solidariedade. É o caso do pequeno Kauã Nascimento, de 10 anos, que recebeu um novo coração e deseja retribuir a atenção e os cuidados da equipe médica do Hospital Dr. Carlos Alberto Studart Gomes, o Hospital do Coração, em Messejana. “Eu quero ser cirurgião para demonstrar o que as pessoas fizeram por mim, para poder salvar a vida de outras criancinhas que precisam. Eu cheguei aqui com dois meses e já fiz 10 cirurgias. Deus me ajudou, estou de pé e bem. Hoje eu brinco, ando de bicicleta, jogo bola”, comemora Kauã. Para o pai do garoto, Irailson Nascimento, o transplante bem-sucedido e a boa recuperação do filho servem hoje de testemunho para que ele alerte outras pessoas para a importância da doação de órgãos. “Uma coisa que define tudo isso é amor. Meu filho está vivo hoje através de um ato de amor. Em um momento tão delicado, após perder um filho, a família teve a coragem de doar o coração para o meu Kauã. Doem, porque, nesse instante, existem várias pessoas dependendo de um ato desses para salvar vidas”, encoraja o pai.
O novo uso para a aeronave foi possível graças a uma decisão da Justiça Federal, que em dezembro de 2015, concedeu ao Governo do Ceará a posse provisória do avião monomotor. A aeronave Cessna Aircraft, modelo 210M Centurion II, foi apreendida em uma operação da Polícia Militar, em abril de 2015, quando desembarcou no município de Canindé, em uma pista de pouso clandestina, carregado com 375,5 kg de cocaína. De acordo com as investigações, a aeronave continha registros de voos para países da América do Sul, como Bolívia e Paraguai, rotas utilizadas pelo tráfico internacional de drogas. A operação contou com apoio de helicópteros da Ciopaer. Em dezembro de 2015, a 23ª Vara da Justiça Federal, em Quixadá, autorizou o uso da aeronave para o Estado, mediante manutenção. Sentimos a necessidade de utilizar essa aeronave pelo Estado, por isso, conversamos com colegas da Polícia Federal e recorremos à Justiça Federal, que se sensibilizou com o nosso pedido e cedeu a aeronave’’, revela o secretário da Segurança Pública e Defesa Social do Ceará, Delci Teixeira. “Os bombeiros já utilizaram o avião para sobrevoar áreas com focos de incêndio. Ele é importante também em parcerias com outros órgãos que cuidam dos recursos hídricos do Estado e do meio ambiente, além de ser essencial para o transporte de órgãos para transplantes”, acrescentou o secretário. A aeronave ficará sob a responsabilidade da Ciopaer, órgão vinculado à Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS).
A Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer) é responsável por operar todos os meios aéreos do Estado. A Ciopaer possui uma frota de seis helicópteros, realizando missões de atividades policiais, bombeirísticas, resgates, transporte aeromédico, em parceria com o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu/CE) e, agora, com o novo avião, realiza ainda o transporte de órgãos, em parceria com a Central de Transplantes do Ceará, da Secretaria da Saúde do Estado do Ceará (Sesa). Essas atividades são executadas por policiais militares, policiais civis e bombeiros militares, além de integrantes da Perícia Forense do Estado do Ceará (Pefoce) e do Samu. Os transplantes realizados no Estado são fruto da parceria com a Secretaria da Saúde do Estado do Ceará (Sesa), por meio da Central de Transplantes do Ceará. Mas a função social da aeronave vai além. Além da SSPDS e da Sesa, a aeronave será compartilhada para realizar ações da Secretaria do Meio Ambiente (Sema) e da Secretaria dos Recursos Hídricos (SRH), por meio da Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos (Cogerh). A aeronave fará o monitoramento ambiental (sobrevoando áreas de incêndios, coletando informações de vegetação e monitorando áreas de proteção ambiental) e o monitoramento de recursos hídricos (verificando volume de açudes e coibindo desvios de água em todo o Estado). A versatilidade na utilização da aeronave traz outras vantagens para as futuras missões do avião, já que tem uma economia de voo de cerca de 40% em relação ao que gasta um helicóptero, além de ser mais veloz. A aeronave é a primeira de asa fixa operada pela Ciopaer, que, anteriormente, trabalhava apenas com helicópteros. O avião tem a capacidade de alcançar qualquer capital do Nordeste, sem abastecimento, a uma velocidade de 300 km/h, o que ajudará a salvar várias vidas. O tempo reduzido para o transporte é fundamental para que o paciente possa receber o novo órgão sem comprometer o trabalho médico. A chegada da aeronave deve alavancar ainda mais o número de procedimentos realizado no Estado. “O Ceará vem a cada ano batendo recorde de transplantes, figurando entre os primeiros do País e sendo destaque no cenário nacional. Isso se deve basicamente à solidariedade da população cearense e ao apoio do Governo do Ceará, que incentiva a nossa Central de Transplantes, disponibilizando toda a logística para que possamos realizar nosso trabalho da melhor forma possível”, destaca a médica da Central de Transplantes do Estado do Ceará, Micheli Souza. O órgão enviado pelo Estado do Rio Grande do Norte ao Ceará só foi possível, porque lá não havia fila para receptores de fígado, como explica a Dra. Micheli. “Esse é um procedimento que pode acontecer em qualquer estado, já que não tinha nenhum receptor compatível com o fígado lá (no Rio Grande do Norte). Uma vez que não tenha um receptor no Estado, esse órgão é disponibilizado no Sistema Nacional de Transplante, sendo ofertado para todo o Brasil. Outro fator que essencial para que o órgão pudesse vir para o Ceará foi a proximidade entre as cidades de Mossoró e Fortaleza, porque, em alguns casos, o tempo entre a retirada do órgão até chegar à sala de cirurgia é reduzido, o que pode comprometer todo o procedimento”, explica a médica.

terça-feira, 8 de novembro de 2016

Tem início a montagem da estrutura da 3ª FENECAN

A Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), de Canindé em parceria com o SEBRAE, realizam a terceira edição da Feira de Negócios de Canindé (FENECAN). O evento pretende reunir as mais diversas áreas comerciais presentes em nosso município, como: culinária, entretenimento, moda, entre outras, além da exposição de produtos, durante dois dias na Praça Doutor Aramis, no centro da cidade, o público também poderá aproveitar para se divertir ao som de algumas bandas de forró.

Segundo Paulo Magalhães Filho, Presidente da CDL Canindé, a FENECAN já entrou para o calendário anual de eventos do município, e tem como principal objetivo mostrar a força do comércio canindeense e oferecer um pouco mais de lazer para a nossa população. Todos os stands do evento já foram reservados, e começaram a ser montados na tarde de hoje juntamente com a estrutura de palco, som e iluminação do local.

O público do evento, além de conhecer os produtos das lojas presentes na feira, também poderão desfrutar de algumas atrações musicais que animarão a feira de negócios. Já estão confirmados os Cantores Victor André, e também o cantor Raied Neto, ex Calcinha Preta e responsável por emplacar vários sucessos da banda em sua voz. O show desta sexta-feira (11), marca o retorno de Neto aos palcos. As duas atrações confirmadas para animar o evento com muito forró, também são canindeenses, mostrando a força da nossa terra, e realizando uma feira de negócios genuinamente canindeense, desde o comércio, as atrações.

O evento acontece nos próximos dias 11 e 12 de novembro, sempre com início as 18hrs, horário local, na Praça Doutor Aramis, no Centro da cidade, e tem entrada franca.

segunda-feira, 7 de novembro de 2016

TCM entrega relatórios de Canindé e mais cinco municípios e inicia novas fiscalizações

O Tribunal de Contas  dos Municípios (TCM) entregou ao Ministério Público do Estado (MPCE) nesta segunda-feira (7) mais seis relatórios de fiscalizações de transição de governo.  Os documentos se referem aos municípios de Canindé, Itapiúna, Limoeiro do Norte, Paramoti, Quixadá e Redenção, inspecionados no período de 24 a 28/10.

Hoje, equipes do órgão em parceria com promotores de Justiça iniciam a visita a mais três cidades, onde devem permanecer até quarta-feira (9): Crateús, Granja e Iguatu.

Com isso, já chega a 20 o número de prefeituras incluídas na operação. De acordo com o diretor Geral do TCM, Juraci Muniz Júnior, que fez a entrega dos relatórios nesta manhã, “as ocorrências mais graves apontadas até o momento são a interrupção de serviços essenciais, atraso salarial e outras dívidas, especialmente as previdenciárias”. No âmbito do TCM, conforme explicou, essas questões podem motivar a aplicação de multas, a devolução de valores aos cofres públicos e a desaprovação de contas. No MPCE, as informações recebidas do TCM podem subsidiar a proposição de ações de improbidade administrativa.

Segundo a coordenadora da Procuradoria de Justiça dos Crimes contra a Administração Pública (Procap), procuradora de Justiça Vanja Fontenele, o trabalho entre os órgãos é fortalecido através das análises técnicas e na realização do objetivo maior dessas fiscalizações. “As ações cíveis e criminais e as tomadas de contas especiais são algumas das formas de punição implementadas pela Procap e TCM. O trabalho em conjunto só reforça o papel dos órgãos evitando o desmonte das prefeituras.”

Nos 11 primeiros municípios visitados o TCM constatou ainda que em apenas três deles existiam comissões de transição nomeadas pelo atual prefeito. Segundo a diretora de Fiscalização, Telma Escóssio, “a iniciativa para início dos trabalhos de transmissão tem procedido, em maior parte, do prefeito eleito”. Na opinião dela “isso mostra que os prefeitos atuais têm uma pendência com relação a esse assunto e precisam mostrar mais agilidade e compromisso com a continuidade da gestão municipal”.

MUNICÍPIOS INCLUÍDOS NA OPERAÇÃO ATÉ 7/11:

  • 17 a 21/10:
1. Caririaçu
2. Granjeiro
3. Juazeiro do Norte
4. Mauriti
5. Milagres


  • 24 a 28/10:
1. Canindé
2. Itapiúna
3. Limoeiro do Norte
4. Paramoti
5. Quixadá
6. Redenção

  • 31/10 a 4/11:
1. Amontada
2. Caridade
3. Miraíma
4. Mulungu
5. Trairi
6. Uruburetama

  • 7 a 9/11:
1. Crateús
2. Granja
3. Iguatu



OCORRÊNCIAS MAIS FREQUENTES:

  • Paralisação de serviços públicos na educação (escolas) e saúde (hospitais e postos) por falta de pessoal, material, equipamentos;
  • Suspensão de serviços essenciais como coleta de lixo, transporte escolar, transporte de pacientes;
  • Desorganização administrativa (contábil, financeira);
  • Medicamentos e merenda escolar vencidos e/ou estragados;
  • Atrasos salariais, provocando situação de greve do funcionalismo público;
  • Gastos com pessoal acima do limite legal;
  • Pagamento por serviços não prestados;
  • Bens adquiridos para escolas e hospitais e não utilizados, armazenados em locais inadequados como corredor do hospital e no chão da escola;
  • Inadimplência junto a fornecedor de energia elétrica e prestador de serviços de água e esgoto;
  • Atraso no repasse das consignações previdenciárias e de empréstimos consignados dos servidores;
  • Falta de pagamento das obrigações patronais;
  • Dívida junto a institutos de previdência municipal, prejudicando o equilíbrio fiscal desse ente;
  • Não localização de bens adquiridos e pagos;
  • Contratações irregulares;
  • Pagamento por serviços não prestados, inclusive de engenharia;
  • Contratações indevidas;
  • Não apresentação de prestações de contas ao TCM;
  • Desrespeito à Lei da Transparência (sites oficiais irregulares).

terça-feira, 18 de outubro de 2016

Prefeita eleita de Canindé participa de audiência com secretário estadual de Turismo

Na tarde desta terça-feira, 18, a prefeita eleita de Canindé, Rozário Ximenes (PMDB), fez uma publicação em seu perfil na rede social Facebook, informando aos canindeenses de uma reunião que teve com o secretário estadual do Turismo, Arialdo Pinho.

A prefeita eleita esteve reunida com o gestor do turismo estadual na tarde de hoje em Fortaleza, onde Rozário conversou sobre melhorias para o turismo religioso de Canindé e buscou apoio para a festa de São Francisco do próximo ano.

Nesta terça-feira tivemos audiência com o secretário de Turismo do Ceará para discutir melhorias para o turismo canindeense e o apoio para a festa de São Francisco de 2017”, disse Rozário Ximenes em sua página na rede social.

Cerca de 270 mil fiéis passaram por Canindé durante todos os dias de festejos de São Francisco, que se encerraram no último domingo, 16. O evento religioso credencia nosso município como sede da maior romaria franciscana das Américas e segunda maior do mundo.

Polícia apresenta balanço da Operação São Francisco

Foram 13 dias de trabalho em meio aos festejos em homenagem a São Francisco das Chagas, padroeiro de Canindé. Após o encerramento das atividades da “Operação São Francisco 2016”, a Polícia apresentou o balanço de ocorrências registrados durante o período, números considerados positivos pelos representantes de segurança, levando-se em consideração a grandiosidade da festa. Ao todo, 19 procedimentos foram realizados.

O saldo da operação foi positivo. Não tivemos nenhum homicídio registrado, nem atendemos nenhuma ocorrência mais grave. Os fiéis puderam celebrar a festa do padroeiro com muita tranquilidade”, disse Tenente Coronel Lyndon Johnson, comandante do 4º Batalhão de Polícia Militar (BPM).

Cerca de 270 mil pessoas do Ceará e de estados vizinhos acompanharam a programação, iniciada no dia 6 de outubro e encerrada nesta segunda-feira (17). A Operação reforçou a segurança durante os festejos do padroeiro. Ao todo, 166 agentes de segurança da Capital e Interior cearense foram mobilizados, sendo 35 da Polícia Civil, 113 da Polícia Militar e 18 do Corpo de Bombeiros.

Dos 19 procedimentos que resultaram em prisão ou apreensão, a PM efetuou quatro prisões por roubo/furto, quatro apreensões de adolescentes pelo mesmo delito, três prisões por tráfico de drogas, três por receptação, três apreensões por porte de arma branca, uma prisão por porte ilegal de arma de fogo e uma prisão embriaguez ao volante. Ao todo foram apreendidos 125 g de crack, 125 g de cocaína e 219 g de maconha. Mais de 3 mil pessoas foram abordadas durante a operação.

Durante os trabalhos, PMs estiveram entre os romeiros, a pé e em patrulhas, com o objetivo de inibir e prevenir a prática de delitos como roubos e furtos a pessoas, estabelecimentos comerciais e a transportes particulares e coletivos, bem como coibir o tráfico de drogas. O trabalho desenvolvido pelos militares também auxiliou o trabalho de fiscalização e orientação do trânsito na Rodovia Estadual para evitar possível perturbação da ordem pública e obstrução de vias de trânsito em pistas de acesso ao município e em locais com elevada aglomeração de pessoas.

No domingo (16), a PM localizou várias sacolas com roupas, relógios e produtos eletrônicos furtados de um estabelecimento comercial em um imóvel que servia para hospedar romeiros. Devido à grande quantidade de material apreendido, foi preciso transportar toda a mercadoria em três viaturas até a Delegacia Regional da Polícia Civil, em Canindé.

Bebê canindeense sobrevive com coração artificial há quase um mês

Paulo Roberto Vieira Bezerra é um bebê canindeense de 1 ano e 5 meses que está aguardando um transplante de coração na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), do Hospital de Messejana, em Fortaleza. O pequeno guerreiro vive por meio de aparelhos (Ecmo), mas, para ter uma vida normal, precisa da cirurgia. Conforme a equipe médica do hospital, o recomendado é que pacientes fiquem, no máximo, sete dias utilizando o aparelho. O bebê já está há quase 30 dias.

O menino sofre de dupla via de saída do ventrículo direito, comunicação interventricular (CIV) e forame oval, o que impede de o coração bombear o sangue para o restante do corpo. Isso gera muitas complicações, explica a médica cardiopediatra Andréa Teles.

O Hospital do Coração fez quatro transplantes infantis esse ano e, na fila de espera, cinco crianças estão aguardando sua vez.

Paulo Roberto nasceu com o problema no coração, mas somente com seis meses de idade os sintomas começaram a aparecer.

A Professora Maria Marleide Vieira Freitas, 47 anos, é a mãe do pequeno e mora em Canindé. Os dois estão recebendo ajuda da tia de Paulo Roberto, Maria Marlene Vieira, 50 anos, irmã da Professora Marleide, que já morava na capital.

O menino já passou por várias cirurgias e finalmente um diagnóstico definitivo saiu. Desde então, ele vive por meio de aparelhos que fazem o trabalho do coração (coração artificial). A única maneira de ele permanecer vivo é fazer um transplante de coração, mas para bebês como ele fica mais difícil de conseguir um doador.

Fonte: G1 CE 

terça-feira, 11 de outubro de 2016

Morador denuncia vazamento na Adutora que leva água de General Sampaio a Canindé

Um morador da comunidade de saquim registrou o desperdício de água na adutora emergencial que leva água de do município de General Sampaio para Canindé. A problemática envolvendo vazamentos, existe desde que a adutora foi inaugurada.

Segundo o morador, existe um vazamento, há, pelo menos, cada dez metros. Canindé já vem sofrendo com a precariedade de água há algum tempo. Nesse período em que a cidade comemora os festejos do Padroeiro São Francisco, o consumo do líquido precioso aumenta de maneira considerável, pois além dos canindeenses, romeiros, turistas, camelôs e visitantes também passam a usufruir da mesma água.

O morador cobra das autoridades uma solução para o desperdício, pois muitas famílias já estão sem abastecimento de água na região, enquanto isso, a água que poderia amenizar o sofrimento de muitas pessoas, vem sendo desperdiçada em meio a esses vazamentos.

Em nota, a Cogerh informou que o responsável pela manutenção da adutora é o SAAE de Canindé.



Prefeita eleita afirma ter garantido apoio para revitalização do Rio Canindé

A prefeita eleita Rozário Ximenes (PMDB), publicou em seu perfil na rede social Facebook, a informação de uma reunião em que ela participou em Fortaleza, com o Deputado Estadual João Jaime (DEM), e o Senador Tasso Jereissati (PSDB).
O encontro aconteceu na última segunda-feira, 10, na capital cearense, onde diversos assuntos foram tratados, principalmente projetos e melhorias para Canindé. Na publicação, a prefeita eleita, informou que o Senador Tasso já garantiu apoio em alguns projetos, dentre eles a revitalização do Rio Canindé e a implantação de um campus de universidade pública em nossa cidade.